Artigos - IPCALVARIO

Ir para o conteúdo
< class="imPgTitle" style="display: block;" itemprop="headline">“A ALEGRIA DO NATAL!”
IPCALVARIO
Publicado por em Boletim ·
“A ALEGRIA DO NATAL!”
“O anjo disse aos pastores: Não temais; eis aqui vos trago boa-nova de grande alegria, que o será para todo o povo: é que hoje vos nasceu, na cidade de Davi, o Salvador, que é Cristo, o Senhor.” Lucas 2,10-11

O mês de dezembro nem havia começado ainda e já podíamos ver as luzes, enfeites e esboços de festas por toda a cidade. Nem mesmo a crise que o país atravessa é capaz de tirar das pessoas o encanto desta época do ano, ainda que as festas e gastos sejam mais moderados se comparados a anos anteriores. E por falar em crise, dia desses fui a um dos shoppings da cidade e logo meus filhos viram o tal Noel, correram até ele na expectativa de ganhar algumas balas, mas foram abraçados, ouviram aquela típica pergunta se foram obedientes durante o ano, mas só... não teve bala! A crise atingiu até o bom velhinho que por sinal estava bem franzino. É impressionante ver a lotação nas lojas, o horário do comércio estendido, as receitas especiais para a noite de Natal, os personagens típicos de dezembro, as comemorações religiosas... tudo isso nos faz quase esquecer qual é o verdadeiro sentido e a razão da alegria do Natal, aliás, qual é mesmo?
Comemoramos simbolicamente no dia 25 de dezembro o Natal, nascimento de Jesus Cristo o Filho de Deus, que nasceu de Maria por obra do Espírito Santo e foi cuidado e educado pelo humilde carpinteiro José. Sendo assim, no mínimo, as celebrações de Natal deveriam apontar para Ele e dar as glórias tão somente ao nome Dele, mas infelizmente não é assim. Por exemplo, no ano passado assisti uma belíssima apresentação de Natal numa capital brasileira, daquelas de tirar fôlego de tão bonita, bem apresentada, com alto nível musical e artístico e visivelmente com um grande orçamento comprometido, mas o grande final da apresentação não teve ênfase em Jesus e sim em outro personagem bíblico e até mesmo ao lendário e mitológico papai Noel.
Precisamos aproveitar este momento para fazer do Natal um ato de gratidão a Deus por tão grande no oferecimento de Seu único Filho Jesus para nossa esperança, redenção e salvação. Não podemos permitir que a beleza dos enfeites e o apetite pela ceia nos impeça de pelo menos dar graças a Deus pela nova vida em Jesus que nasceu, viveu entre nós e como nós, e morreu em nosso lugar para que fossemos perdoados dos nossos pecados e transgressões que nos afastaram de Deus desde o princípio. O nascimento de Jesus é parte do plano de Deus para nos alcançar, transformar e salvar, por isso, podemos celebrar com alegria não apenas o mês de dezembro, mas o ano todo. Será que o que nos encanta nesta época é mesmo a salvação em Jesus... ou as férias, os presentes, os encontros familiares e as boas comidas?

Um bom domingo a todos! Graças a Deus pelo nascimento de Jesus, nossa alegria!
Pastor Arthur Júnior


Voltar para o conteúdo